Lean & Agile

Lean & Agile

Essa dupla de termos não fala sobre as etapas de desenvolvimento de produtos. Agile (ágil) é sobre manter os ciclos curtos e Lean (limpo, enxuto) é sobre manter os processos alinhados e focados no público alvo. Ambas filosofias cresceram e se tornaram parte de nosso modo de trabalho. Nossa eficiência e qualidade é consequência direta disso.

Insight

Lean

Lean product development significa, para a Spark, que nós temos métodos de trabalho incorporados que reúnem e compartilham todas as informações necessárias entre todas as pessoas que são parte do projeto de desenvolvimento do produto.

"Numa profissão na qual toda abordagem e todo resultado é diferente do seguinte, otimizar e padronizar a maneira pela qual a informação flui pelo processo é vital"Michel van Schie, Director of operations at Spark design & innovation

Nós adotamos maneiras padronizadas de comunicar e avaliar as metas fundamentais de projeto, planejamento, problemas e tarefas a serem cumpridas no time de design, garantindo que todos os membros do time estejam propriamente informados e comprometidos com o processo.

Agile

Agile é uma grande filosofia para a Spark. Consiste de criar rapidamente e sempre estar preparado para ajustar, testar qualquer solução e ideia o mais rápido possível, reduzir ciclos para ideação e validação, eliminar soluções inválidas o quanto antes e assim economizar tempo e recursos.

É por essa razão que você nos vê desenhando, simulando, construindo ou imprimindo em 3D ideias bastante preliminares para obter noções sobre dimensional, funcionalidade e experiência. Nós observamos, apertamos, esticamos, pressionamos e adaptamos nossos modelos improvisados para aprender o maior número de lições possível. Onde for possível, envolver usuários, mas também perguntando nossos colegas e amigos o que eles acham em qualquer fase do desenvolvimento do projeto é uma maneira pragmática de validar um design.

Uma visão interessante sobre Lean vs. Six Sigma e modelos de “estágios e aprovações”:

Desenvolvimento flexível contraria muitas das tendências de diversas abordagens de gerenciamento moderno no planejamento de um projeto e desencoraja mudançasem seu início. Estão aí inclusos o Six Sigma, que foca em tirar variação de dentro do processo; Lean, que busca eliminar excesso; e métodos de desenvolvimento e planejamento tradicionais, divididos em fases (incluindo modelos de fase e aprovação), que estimulam planejamento antecipado e seguir o plano. Muito embora essas metodologias tenham forças, seus efeitos colaterais encorajam rigidez em um processo que necessita flexibilidade para ser efetivo, especialmente para produtos verdadeiramente inovadores.”

(fonte: Wikipedia)

Background

Princípio Lean  

"Lean" é uma filosofia de produção que considera desperdício o gasto de recursos em qualquer aspecto outro que não a criação de valor para o usuário final, sendo portanto alvo de eliminação. Manufatura Lean é uma filosofia de gestão derivada, em sua maior parte, do sistema Toyota de Produção.

Lean product development (LPD)

LPD é a aplicação dos princípios Lean para o desenvolvimento de produto, uma atividade multifuncional que busca descobrir conhecimentos de produto escondidos na cadeia de produção, tipicamente em pontos de interação entre unidades funcionais.

(fonte: Wikipedia)

Six Sigma: EliminaNDO INOVAÇÃO

Seja cuidadoso em como, onde e a que nível de detalhe você aplica os processos de gestão como o Six Sigma, esta pesquisa mostra o que pode acontecer:

Pode parecer impossível engajar grandes organizações a aderirem a um experimento no qual alguns vão a níveis extremos para evitar erros enquanto que outros prosseguem como de costume. Entretanto, um julgamento ocorreu nos últimos 30 anos, se chama “Six Sigma”, é uma estratégia de gestão (alguns chamariam de culto) para virtualmente eliminar erros. 85 companhias da Fortune 200 utilizam o Six Sigma e atestam sua eficiência em eliminar erros. Os resultados deste “experimento” foram impactantes: 91 por cento das “empresas Six Sigma” não se mantiveram no índice S&P 500 porque o Six Sigma interrompeu o caminho da inovação.

http://www.wired.co.uk/magazine/archive/2014/05/ideas-bank/gary-klein